Ouça o conteúdo deste post! Dê play no áudio abaixo:

https://www.megaimagem.com.br/wp-content/uploads/2020/05/avc-aneurisma.mp3?_=4

Você sente dores de cabeça constantemente? Já se perguntou o que poderia ser?As dores de cabeça podem ser um dos sintomas de algumas doenças. Separamos duas delas.

Hoje você entenderá o que é um AVC e um aneurisma cerebral e também suas diferenças e sintomas.

Vamos lá?

Acidente Vascular Cerebral ou AVC

Um acidente vascular cerebral ocorre quando o fluxo sanguíneo para o cérebro está comprometido. Isso geralmente ocorre quando um coágulo de sangue bloqueia uma das veias do cérebro.

Sem o oxigênio que é transportado pelo sangue, as células cerebrais começam a morrer, comprometendo as funções cognitivas nessa área específica do cérebro, que pode incluir: controle motor, memória, linguagem e muito mais.

O sintomas mais comuns são dores de cabeça, tontura, vertigem, fraqueza em ambos os lados do corpo, visão prejudicada entre outros.

Agora vamos entender um pouco sobre a aneurisma.

Aneurisma

O aneurisma cerebral, também chamado de aneurisma intracraniano, é uma dilatação anormal que se dá em uma área de enfraquecimento da parede de uma artéria. 

Ele pode ocorrer em qualquer artéria do organismo, como as de coração, rim e abdômen. Mas no cérebro é especialmente importante, devido as severas complicações decorrentes de uma eventual ruptura ou compressão sobre as estruturas neurais adjacentes.

Dentre as causas adquiridas, e aí existem várias delas que podem ser evitadas, temos:

  • Consumo excessivo de álcool; 
  • Aterosclerose;
  • Hipertensão arterial sistêmica;
  • Tabagismo; 
  • Uso de drogas ilícitas (cocaína e anfetamina, por exemplo);
  • Trauma;
  • Infecção (aneurismas micóticos);

Um diagnóstico preciso é extremamente importante, por isso os exames de imagens são capazes de caracterizar e planejar um tratamento das lesões aneurismáticas.

Levar uma vida mais saudável pode ajudar a diminuir o risco dessas doenças se manifestarem.

Exames como a Tomografia Computadorizada e a Ressonância Magnética podem ajudar no diagnóstico.

Vamos entender um pouco delas?

Tomografia

tomografia computadorizada é, de maneira bem simplista, uma espécie de raio-x que enxerga em 360 graus. Por isso, o exame gera imagens em fatias, que podem ser analisadas de qualquer ângulo. De resultado rápido, está disponível na maioria dos hospitais, tanto para emergências quanto para o diagnóstico de lesões ortopédicas e na investigação de doenças, como câncer e AVC.

É usado para diagnosticar inúmeras doenças e pequenas alterações em vários setores do organismo humano. Por exemplo: a tomografia pode avaliar traumas cranianos ou, por causa dos seus resultados rápidos, ajudar a encontrar acidentes vasculares cerebrais nos prontos-socorros.

Ressonância Magnética

A Ressonância Magnética é um exame que gera imagens de altíssima definição para a análise de órgãos e estruturas internas do corpo, sem emissão de radiação.

Tesla é a unidade de referência que mede o campo magnético do equipamento. Portanto, com a chegada do aparelho novo de 3 Tesla, os exames passam a ser mais precisos, com imagens com maior resolução e mais detalhamento das estruturas anatômicas, favorecendo o diagnóstico.

Na Mega Imagem, possuímos aparelhos silenciosos e espaçosos de Ressonância Magnética 1,5 Tesla e 3 Tesla que suportam até 250 kg. Os equipamentos são compatíveis com diferentes tamanhos, possuindo: túnel curto, túnel largo e curto, túnel largo e muito curto.

Se permanecer alguma dúvida, entre em contato conosco.

Aqui temos um vídeo explicando um pouco melhor sobre a ressonância.

Até breve.

Mega Imagem

A clínica Mega Imagem é referência no diagnóstico por imagem na Baixada Santista.