Hoje trouxemos um experimento muito legal a respeito do cérebro humano. Estamos no mês conhecido como Janeiro Branco e nada mais justo que trazer conteúdos que façam relação com este tema para você entender como esse órgão funciona.

Lembrando, que o Janeiro Branco é o mês de conscientização do cuidado com a saúde mental servindo como um alerta para que os indivíduos possam iniciar o ano de uma forma saudável, tanto emocional quanto psicologicamente.

E neste mês tão relevante, trouxemos várias curiosidades sobre o nosso corpo humano.

Em nosso artigo passado falamos sobre o  que o nosso cérebro tem de tão especial e acredito que neste texto veremos como isso é realmente verdade.

Por isso, separamos um trabalho inédito feito por especialistas, chamado “The Brain Dictionary”, onde através da Ressonância Magnética Funcional (Nature 2016) um grupo de cientistas conseguiu mapear o cérebro de pessoas enquanto ouviam textos, mostrando como cada área do cérebro reagia quando ditavam uma palavra. 

Assim, associando as palavras com todo seu significado com áreas específicas do cérebro. Mas antes disso, vamos entender como nosso cérebro é dividido e o que cada parte é capaz de fazer.

Como o é o cérebro humano

O cérebro é considerado o centro de aprendizagem do nosso corpo. Composto pelo encéfalo e pelos hemisférios, estes últimos ainda são ligados pelo corpo caloso.

Os hemisférios atuam em regiões distintas. Começando pelo esquerdo, ele pode responder pela linguagem, realização de cálculos, algumas memórias, resolução de problemas e fala.  Contudo, o direito está relacionado com percepção de músicas, intuições, interpretação de imagens, habilidades manuais não verbais, entre outras.

Além disso, os hemisférios comandam partes opostas do corpo. Ou seja, o lado esquerdo comanda o direito.

Aqui trouxemos os locais do cérebro e suas indicações:

cérebro-humano

  • Frontal – Relacionados com raciocínio, trabalho criativo, tomada de decisões, movimentação dos músculos esqueléticos, personalidade, entre outras funções;
  • Temporal – Atua na comunicação, relacionando-se com a fala, audição e, até mesmo, a escrita;
  • Parietal – Relacionado com a percepção de dor, frio, calor e toques;
  • Occipital – Possui relação com o processamento das informações visuais.

Experimento

Voltando ao nosso experimento, agora que você já sabe como funciona o cérebro humano vamos explicar como foi feito.

Eles utilizam a palavra ‘TOP’, como exemplo. Quando pronunciam a palavra, podemos ver ela em áreas do cérebro relacionadas a números, em áreas relacionadas a lugares. Os cientistas achavam que as palavras eram recebidas somente em áreas específicas do cérebro como o lobo temporal. 

Após esse  experimento, eles viram que  as palavras estimulam vários locais do cérebro inclusive os dois hemisférios ao mesmo tempo juntamente com áreas de palavras associadas em termos de significado.

Essas palavras tinham um significado para as pessoas avaliadas e observou-se que as áreas estimuladas se encontravam  em categorias correlatas. Os cientistas  colocaram cores para diferenciar essas categorias formando um mapa, como apresentamos acima. 

Por exemplo, a palavra esposa tem a ver com família, mãe, grávida e pode ter relação com casa, dono. Tem a ver com o contexto de cada um e aí entramos no quesito de que atingem áreas correlatas. 

Embora, cada mapa individualmente seja diferente as pessoas em geral tem o mesmo tipo de conceito mapeando os mesmos locais no cérebro. 

Isso varia de acordo como vamos descobrindo o significado das palavras para os indivíduos. 

Trouxemos o vídeo explicativo que fará você entender claramente.

A mente humana é realmente muito curiosa e interessante. E eu espero que você tenha gostado desse artigo, nossa intenção é trazer assuntos relevantes e curiosos.

Se você quiser ler mais sobre as sequelas do Covid deixadas ao nosso cérebro, acesse aqui.

Já acompanha a MEGA nas redes sociais? Não deixe de acessar nosso Instagram  e Facebook.

Espero que tenha gostado desse artigo, até breve.

Um Mega abraço!

Rafaélla Mantovani

Rafaélla Mantovani

Comunicação e Marketing Digital na Clínica Mega Imagem.