A artrite reumatoide  é uma doença crônica que atinge a cartilagem dos ossos, deteriorando-a.

As principais causas são fatores genéticos, mas também há fatores externos que influenciam como a poluição, tabagismo, doenças periodontais e infecções.

A doença atinge na maioria mulheres entre 30 e 50 anos, e devemos nos atentar pois a doença atinge não somente as articulações mas também o restante do corpo podendo ser um fator de risco para infartos e até AVC.

Sintomas da Artrite Reumatoide

Os principais sintomas são dores e inchaço nas juntas, rigidez nas articulações, dificuldade de movimentação dos dedos ou dos membros, redução do apetite e perda de peso, febre baixa e fadiga.

Como as crises são caracterizadas por inflamações, a alimentação é fator crucial nesse processo.

Alimentos como carne vermelha, uma dieta rica em gordura trans e saturada, excesso de sal, excessivo consumo de calorias, óleos de ômega 6 e carboidratos simples são os perigos para a inflamação.

Manter uma dieta equilibrada e hábitos de vida saudáveis, ajudam a prevenir as constantes dores.

Diagnóstico

O diagnóstico geralmente é feito por um médico reumatologista, que utiliza testes físicos e também exames de imagem como Raio-x, Tomografias ou até mesmo Ressonância Magnética para chegar a um diagnóstico preciso.

Também é solicitado um exame de sangue que possui um fator chamado de “fator reumatoide”, que é capaz de complementar o diagnóstico. Além disso, também são solicitados demais exames para descartar doenças como lúpus e artrite psoriátrica.

Tratamento para artrite reumatoide

Ainda não há cura para a artrite reumatoide, mas existem diversos tratamentos capazes de aliviar as crises e dores.

Alimentação e artrite

Como já falamos, a alimentação é um fator primordial para aliviar as dores. Junto de uma boa alimentação, está a prática regular de atividades físicas -claro que dentro de todas as limitações- os exercícios podem ajudar a diminuir a rigidez e trazer mais bem estar.

Alimentos como azeite de oliva extravirgem, alto consumo de grãos integrais, legumes, 5 ou mais porções de frutas e vegetais por dia são grandes aliados ao combate desta patologia.

Fora os tratamentos naturais, há o consumo regular de determinados medicamentos anti- inflamatórios que serão indicados exclusivamente pelo médico.

Além desses tratamentos, trouxemos algumas dicas de chás naturais que podem ajudar a diminuir as dores causadas pela doença autoimune.

Chá de cúrcuma

A cúrcuma, também chamada de açafrão é um poderoso anti-inflamatório natural. Rico em curcumina, ele age protegendo as articulações e diminuindo as dores e inchaços. Ele pode ser utilizado na alimentação ou em forma de chá.

curcuma-artriteChá de gengibre

O gengibre é rico em gingerol, chogaol e zingerona que são substâncias anti-inflamatórias e imunomoduladoras. Ele pode ser consumido através de chás.

artrite-gengibreÓleo essencial de boswellia

O ólos essencial de boswellia, pode ser encontrado em lojas de produtos naturais. Ele possui fortes propriedades anti-inflamatórias e analgésicas, além de prevenir os danos nas cartilagens e regular a ação do sistema imunológico.

artrite-boswelliaPomada de arnica

Por conter helenalina na sua composição, com uma potente ação anti-inflamatória, a arnica ajuda a bloquear a produção de proteínas responsáveis pela inflamação crônica das articulações em pessoas com artrite reumatóide.

Alguns estudos mostram que o uso tópico da arnica pode ajudar a aliviar a dor nas articulações, melhora a movimentação e diminui a rigidez matinal das mãos.

artrite-arnica

Chá de alcaçuz

O  chá alcaçuz é rico em glicirrizina e ácido glicirretínico, que são substâncias anti-inflamatórias.

Elas agem reduzindo a inflamação e os sintomas como dor, inchaço, sensibilidade e vermelhidão, sendo uma ótima opção de remédio caseiro.

alcacuzChá verde

Conhecido cientificamente como Camellia sinensis , o chá verde possui compostos fenólicos na sua composição, como a epigalocatequina e o canferol.

Portanto, elas agem diminuindo a produção de substâncias inflamatórias e regulando a ação do sistema imunológico, sendo muito útil para reduzir a dor e o inchaço, e proteger o revestimento das articulações.

cha-verde-reumatoide

 

Contudo, além desses tratamentos naturais que podem ser aliados ao tratamento médico há algumas práticas que também auxiliam.

Entre elas está as bolsas térmicas, realizar compressas de 20 a 30 minutos com água morna no local onde sente as dores ajuda a relaxar e aliviar os sintomas.

Como já citado, os exercícios físicos. Entre eles está o pilates para fortalecimento, natação, hidroginásticas e demais atividades que estejam dentro das limitações do paciente. E claro, sempre com indicação de um profissional habilitado.

Aos primeiros sintomas e desconfiança sobre a doença, procure ajuda médica e realize os exames necessários. Quanto mais cedo a artrite é diagnosticada, uma melhor qualidade de vida o paciente consegue adquirir com todos os tratamentos disponíveis.

Perda de peso

O que muitas pessoas não sabem é que o peso acima do recomendado, é um fator primordial para a melhora das dores e crises. Quando não há o consumo de gorduras e o peso permanece controlado e com uma alimentação rica em produtos naturais e saudáveis, os obesos ganham mais qualidade de vida e consequentemente diminuem os níveis de inflamação.

Por isso, é indicado a prática regular de exercícios físicos e uma boa alimentação. Tudo isso faz diferença!

Realize seus exames com segurança. Agende seus exames aqui na MEGA.

Baixe o MEGAPP! Basta acessar a Play Store ou App Store e baixar o APP que aparece como “Mega Imagem-Agendamento”.

A Mega sempre pensando em você!

Já segue a Mega nas Redes Sociais? Acesse nossos canais: no Facebook​​​ , Instagram Linkedin

Rafaélla Mantovani

Rafaélla Mantovani

Comunicação e Marketing Digital na Clínica Mega Imagem.